‘Não busque curtidas, mas sim respeito ao fazer o certo diante de Deus’, diz atleta cristão

0
64

Em um mundo no qual todos podem se conectar a qualquer hora e em qualquer lugar via redes sociais, isso está influenciando a forma como as pessoas vivem. E para o atleta e comentarista cristão Tim Tebow, é importante alertar as pessoas sobre a busca incessante por validação e aceitação por meio de curtidas ou corações nas redes sociais.

Em uma postagem recente em seu Instagram, Tim escreveu: “Estamos em uma época em que as pessoas vivem para ser queridas nas redes sociais”. Em seguida, ele enfatizou como a cultura da mídia social construiu o medo da crítica nas pessoas hoje.

“Nós nos tornamos condicionados a temer as críticas, porque tudo tem a ver com ser ‘curtido’”, disse ele.

“Se não for por ‘curtidas’, é por ‘seguidores’, e se não for por ‘seguidores’ é por ‘compartilhamentos’. É da natureza humana buscar validação e aceitação. Você distribui respeito da mesma forma que distribui polegares para cima ou corações?”, questionou.

Além disso, Tim acrescentou: “Imagine se vivêssemos em uma época em que não houvesse apenas botões de ‘curtir’, mas também botões ‘respeitar’. Você gostaria mais de 110 curtidas ou 34 ‘respeitos’?”.

Ganhe mais respeito do que curtidas

O ex-jogador de futebol americano encorajou as pessoas a valorizar mais o fato de ser respeitado por ser uma pessoa íntegra do que simplesmente ser ‘curtido’ nas redes sociais.

“Ganhar respeito é difícil. Você precisa trabalhar para isso. Você precisa retratar integridade, habilidade, talento, perícia, habilidade, capacidade atlética, tenacidade ou coragem”, explicou ele. “Respeito é muito mais profundo do que simplesmente dizer o que as pessoas querem ouvir”.

Ele também pediu que as pessoas não tenham medo de defender o que é certo aos olhos de Deus, mesmo que isso signifique perder curtidas ou seguidores nas redes sociais.

“Sim, você pode ser criticado. Lembro que tentei defender algo em minha vida. Pode não ter sido algo que sempre foi popular ou mesmo em que todos acreditaram, mas pelo menos tentei mantê-lo, com uma firme convicção e crença de que estava tentando fazer a coisa certa diante de Deus e pelas pessoas”, acrescentou.

Então Tim concluiu: “Independentemente do que você decidir compartilhar com o mundo, vamos fazer um esforço como equipe, não de buscar ser curtido, mas sim de buscar ser respeitado”.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here