Em café com pastores, Bolsonaro reforça promessa de nomear ministro evangélico ao STF

0
255

Na manhã da última segunda -feira (28), o presidente Jair Bolsonaro recebeu o presidente da Convenção Geral das Assembleias de Deus no Brasil (CGADB), Pastor José Wellington Jr., juntamente com parte da mesa diretora da organização cristã para um café no Palácio do Planalto e aproveitou para reforçar a promessa que já havia feito anteriormente, de nomear um ministro evangélico ao STF.

Além de Bolsonaro, também estiveram no encontro a Ministra da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos, Damares Alves, que ajudou a intermediar a reunião, além de parlamentares evangélicos.

Segundo informações do jornal O Globo, durante o café, o presidente reafirmou que até o final de seu mandato, indicará dois ministros para o STF: um deles deve ser evangélico e o outro, deve ser ao menos conservador em seus valores.

Ainda não se sabe qual exatamente será a ordem dessas nomeações, porém a primeira delas deve ocorrer em breve, considerando que o ministro Celso de Mello já anunciou que irá antecipar sua aposentadoria para outubro (2020), liberando assim uma dessas vagas.

Entre os possíveis nomes que podem ocupar a vaga, estão Jorge Oliveira, que é ministro da Secretaria-Geral da Presidência da República, evangélico e com longa relação com Bolsonaro, e também o juiz federal William Douglas Resinente dos Santos, que atualmente é titular da 4ª Vara Federal em Niterói (RJ).

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here