Malafaia é processado por Thammy Miranda: “O que ele fez é crime”

0
306

A transexual Thammy Miranda, descidiu processar o pastor Silas Malafaia após o líder evangélico propor campanha de boicote à empresa de cosméticos Natura, depois que a marca escolheu a filha Gretchen para estrelar a campanha de Dia dos Pais.

“O que ele fez é crime e a gente não pode mais deixar passar impune. Esse crime, que ele vem cometendo há um bom tempo e ninguém faz nada, mata milhares de pessoas”.

Malafaia disse em um vídeo que atitude da empresa era uma “afronta aos cristãos”, e pediu para as pessoas boicotassem a marca.

“Vamos boicotar a Natura! coloca uma mulher para fazer papel de homem no Dia dos Pais. Uma afronta aos valores cristãos. Somos a maioria”, disse o pastor.

De acordo com Thammy, sua atitude é em defesa de várias pessoas, e não de si próprio, e que as consequências do que ela vai enfrentar hoje é para garantir o futuro de outras pessoas LGBTQIA+.

“É um legado que quero deixar. Que mais para frente, outras gerações não passem pelo que a gente está passando hoje. Eu hoje vou sofrer as consequências de estar lutando por isso, mas outras pessoas não vão passar por isso. Meu filho não vai passar por isso”, concluiu.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here