Assembleia de Deus e IURD detêm metade dos deputados federais da bancada evangélica

0
269

Um estudo recente mostrou que o Brasil é o país onde os evangélicos mais participam da política, e um claro exemplo disso é o crescimento da bancada evangélica na Câmara dos Deputados, em 2018, que foi próximo de 10% em comparação com a eleição de 2014. Eram 75 deputados federais e, agora, são 84.

Estes eleitos vão integrar o grupo e serão uma base importante para a sustentação política do presidente eleito Jair Bolsonaro naquela casa composta por 513 parlamentares.

Destes, o PRB e a Igreja Assembléia de Deus tem o maior volume de representantes. No entanto, os parlamentares estão distribuídos em vários partidos, até no PT.

Em segundo, aparece a Igreja Universal do Reino de Deus (IURD), do bispo Edir Macedo, com 17 parlamentares eleitos. O partido do presidente Jair Bolsonaro (PSL) ocupa o segundo lugar no volume deputados eleitos com 8.

Nos últimos pleitos, excetuando a eleição de 2006, a bancada evangélica vinha apresentando crescimento médio de 20%.

Em 2014, o crescimento foi pequeno e, em 2018, registra-se aumento de pouco mais de 10%, segundo o DIAP – Departamento Intersindical de Assessoria Parlamentar.

Bancada evangélica por origem/denominação (Fonte: Diap)

BANCADA EVANGÉLICA 2018

DEPS FEDERAIS

Assembléia de Deus 27
Iurd 17
Batista 8
Presbiteriana 4
Evangelho Quadrangular 4
Luterana 3
Igreja Internacional da Graça de Deus 3
Maranata 2
Batista Nacional 2
Congregação Cristã 1
O Brasil para Cristo 1
Metodista 1
Evangelho Pleno 1
Evangelho Eterno 1
Adventista 1
Congregação Cristã no Brasil 1
Fazei Discípulos 1
Nova Vida 1
(não identificado) 1
Assembleia de Deus – Ministério Vitória em Cristo 1
Catedral do Avivamento, igreja ligada à Assembleia de Deus 1
Assembleia de Deus – Missão Vida 1
Igreja do Nosso Senhor Jesus Cristino 1
Total Geral 84

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here