Ladrão invade igreja e rouba instrumentos, mas termina preso

0
97

Uma igreja evangélica foi assaltada na noite da última terça-feira, 26 de março, e teve diversos equipamentos e instrumentos levados. A Polícia foi acionada e conseguiu recuperar os itens roubados.

O ladrão que invadiu o templo da Assembleia de Deus na cidade de Combinado, no interior do Tocantins, fora do horário de culto, foi preso após uma busca realizada pela Polícia Militar na cidade.

A prisão foi realizada na última quarta-feira, de acordo com informações do portal G1. Na casa do acusado foram encontrados um teclado, um violão, uma mesa de som e um DVD player.

O templo da Assembleia de Deus fica na avenida JK, no centro da cidade. A Polícia suspeita que o homem tenha entrado por uma das janelas que não ficou trancada corretamente, uma vez que os fiéis disseram que não haviam realizado cultos nos últimos dias.

Crime recorrente

Os assaltos a igrejas no Brasil são mais comuns do que deveriam. Os crimes acontecem em circunstâncias variadas, seja no horário dos cultos ou em momentos que os templos ficam sem ninguém.

Em outubro do ano passado, quatro igrejas foram invadidas de madrugada em sequência por ladrões que levaram, ao todo, R$ 30 mil em dízimos e ofertas. O arrastão registrado no interior de São Paulo foi investigado pela Polícia Civil, que não chegou a nenhum suspeito.

O caso foi registrado em cidades da região do Vale do Ribeira. As quatro igrejas que foram roubadas são católicas, e a Diocese de Registro ainda apura o valor exato levado das paróquias, já que o montante é formado por dízimos dos fiéis.

Em 2011, a Igreja Batista em Santana, localizada em Cariacica (ES) passou por uma série de cinco assaltos seguidos.

Os fieis acreditam que o vício no crack seja o motivo que levava os assaltantes a invadirem a igreja, e os moradores da região por tempos solicitaram que o policiamento fosse reforçado, porém a Polícia Militar sempre respondeu que só poderia reorganizar as patrulhas se os moradores registrassem Boletins de Ocorrência (B.O.) todas as vezes que houvesse algum incidente.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here