“Até o camelo parecia sorrir” por levar tradução da Bíblia para tribo, diz repórter

0
58

Na civilização moderna, ter acesso à Bíblia Sagrada é algo tão comum que muitos não se dão conta do quanto foi difícil fazer chegar até nós a Palavra de Deus da forma como está, atualmente, traduzida em diferentes versões, tamanhos e padrões de linguagem. Para quem ainda vive nas regiões isoladas do planeta, no entanto, essa realidade é bem diferente.

Para o povo que vive na região desértica no nordeste do Quênia, da etnia “Rendilles”, a iniciativa de dois missionários que anos atrás partiram em busca de traduzir a Bíblia para o idioma local é motivo de muita comemoração.

Isso, porque, após cerca de três anos de trabalho, eles conseguiram junto com o apoio dos grupos Wycliffe, Seed Company, BTL Kenya e África Inland Mission, traduzir o Novo Testamento para a o idioma Rendilles.

“Este dia é como uma ressureição chegando até eles”, disse a repórter Ann Voskamp, que documentou o momento junto com a fotógrafa Esther Havens.

Os missionários utilizaram camelos para conseguir carregar as caixas com as Bíblias. Enquanto eles iam chegando, a tribo festejava com cânticos e danças o momento especial para todos.

“Eles apontavam como até mesmo o camelo, que carrega a Palavra, não conseguia parar de sorrir”, contou a repórter, segundo informações do Christian Today.

Essa é uma das 120 traduções da Bíblia que foram concluídas apenas em 2018, no continente africano, cumprindo assim a ordenança de Jesus Cristo de ir e pregar o Evangelho para todos os povos da terra.

“E este evangelho do Reino será pregado em todo o mundo habitado, como testemunho a todas as nações, e então chegará o fim”. (Mateus 24:14)

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here