Mulher conta como deixou de ser lésbica: “Fiquei impressionada com a graça de Deus”

0
6

Depois de passar a adolescência se relacionando com pessoas do mesmo sexo, uma mulher norte-americana teve a vida transformada após ler a Bíblia e ter uma experiência com Deus.

Aos 15 anos, Emily Thomes beijou uma garota pela primeira vez. O caso começou a se espalhar, e ela passou a ser questionada por de amigos: “Você e ela estão juntas?”

Diante da opção de se esconder ou tomar uma decisão, Emily escolheu um caminho de mentiras e distorção da Bíblia para justificar seu novo estilo de vida, que contradizia o que ela aprendeu durante toda a vida.

“Se você fosse verdadeiramente cristão, você estaria ao meu lado. Caso contrário, você era legalista e precisava rever quem realmente era Deus”, disse Emily à plataforma Anchored North sobre sua visão distorcida na época. “[Eu achava que] Deus, sendo amor, significava que Deus era legal e estava tranquilo com quem achasse isso legal”.

Durante toda a adolescência ela se relacionou com mulheres e assumiu um compromisso público com uma delas. Sua vida seguia desta maneira até os 22 anos, quando Emily foi convidada para um estudo bíblico e foi até lá para confrontar as pessoas com as suas justificativas.

À medida que as mulheres compartilhavam seus próprios testemunhos, ela começou a se sentir incomodada. “Não conseguia parar de pensar: e se tudo isso for verdade?”, disse ela.

Depois da reunião, Emily procurou no Google alguns versículos sobre homossexualidade e foi dirigida para uma passagem bíblica que a atingiria no ponto principal. O texto era 1 Coríntios 6:9-10, que diz:

“Vocês não sabem que os perversos não herdarão o Reino de Deus? Não se deixem enganar: nem imorais, nem idólatras, nem adúlteros, nem homossexuais passivos ou ativos,

nem ladrões, nem avarentos, nem alcoólatras, nem caluniadores, nem trapaceiros herdarão o Reino de Deus”.

No entanto, foi no próximo versículo, 1 Coríntios 6:11, que Deus de repente abriu seus olhos: “Assim foram alguns de vocês. Mas vocês foram lavados, foram santificados, foram justificados no nome do Senhor Jesus Cristo e no Espírito de nosso Deus”.

Surpreendida pelo fato de que havia pessoas tão imprudentes quanto ela, mas Jesus ainda as santificava, Emily teve uma revelação. “Eu sabia que Deus poderia fazer isso por mim também, e que eu precisava disso. Eu poderia manter meu pecado e rejeitar Deus, ou poderia me dirigir a Ele”, destaca.

“Toda a dívida que eu acumulei vivendo como eu vivia não tinha que ser minha, se eu pudesse confiar Nele. Eu sabia o que eu não deveria fazer, porque estava ali mesmo, era preto e branco. Eu tinha distorcido as Escrituras antes, eu as confrontei. E então, naquele dia, era como se meus olhos estivessem realmente sido abertos. Fiquei impressionada com a graça que Ele me mostrou”, disse Emily.

Emily Thomes passou a juventude em relacionamentos homossexuais. (Foto: Anchored North)Emily Thomes passou a juventude em relacionamentos homossexuais. (Foto: Anchored North)

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here